Artigos em Destaque

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

Todas as vezes em que nos deparamos com a ira em algum momento de nossas vidas sabemos que não iremos agir racionalmente, porque as emoções estão a flor da pele e sempre falarão mais alto.

Temos como exemplo até mesmo Moisés que falamos recentemente aqui no blog no propósito Tirando Água da Rocha, em que ele se irou, e acabou perdendo a oportunidade de entrar na terra prometida. Temos outros exemplos bíblicos, mas hoje quero focar em você!

Sabe quando parece que tudo está dando errado e ao invés de recorrer a Deus você começa a se justificar para os outros, começa a se irar contra pessoas, e querer fazer tudo a sua maneira? Esses dias possivelmente alcançarão você, nenhum de nós estamos livres dessas lutas, mas a diferença está em como você vai se a presentar diante de Deus: cheia de sentimentos e emoções achando que Ele de alguma forma poderá lhe responder ou irá se apresentar de forma justa?

Deus não trabalha com sentimentos e tão pouco conseguirá alcançar você se estiver cheia deles, o seu primeiro passo é se esvaziar e deixar Deus limpar você. Isso é uma decisão racional, feita na sua inteligência, e através da sua fé.

Apartir do momento em que você fica limpa, então pode se apresentar a Deus de forma justa, porque está usando a fé inteligente. Então poderá levar a Deus suas questões e queixas, sem emoções.

Deus poderá então dar a você a direção certa que deve seguir. Esteja pronta para ouvir o que vai lhe abençoar e ajudar e não o que seu coração quer ouvir.

Deus somente poderá operar a justiça dEle em sua vida quando você abandonar seus sentimentos.

"Porque a ira do homem não opera a justiça de Deus." (Tiago 1:20)
  

A ira e a justiça

Todas as vezes em que nos deparamos com a ira em algum momento de nossas vidas sabemos que não iremos agir racionalmente, porque as emoções estão a flor da pele e sempre falarão mais alto.

Temos como exemplo até mesmo Moisés que falamos recentemente aqui no blog no propósito Tirando Água da Rocha, em que ele se irou, e acabou perdendo a oportunidade de entrar na terra prometida. Temos outros exemplos bíblicos, mas hoje quero focar em você!

Sabe quando parece que tudo está dando errado e ao invés de recorrer a Deus você começa a se justificar para os outros, começa a se irar contra pessoas, e querer fazer tudo a sua maneira? Esses dias possivelmente alcançarão você, nenhum de nós estamos livres dessas lutas, mas a diferença está em como você vai se a presentar diante de Deus: cheia de sentimentos e emoções achando que Ele de alguma forma poderá lhe responder ou irá se apresentar de forma justa?

Deus não trabalha com sentimentos e tão pouco conseguirá alcançar você se estiver cheia deles, o seu primeiro passo é se esvaziar e deixar Deus limpar você. Isso é uma decisão racional, feita na sua inteligência, e através da sua fé.

Apartir do momento em que você fica limpa, então pode se apresentar a Deus de forma justa, porque está usando a fé inteligente. Então poderá levar a Deus suas questões e queixas, sem emoções.

Deus poderá então dar a você a direção certa que deve seguir. Esteja pronta para ouvir o que vai lhe abençoar e ajudar e não o que seu coração quer ouvir.

Deus somente poderá operar a justiça dEle em sua vida quando você abandonar seus sentimentos.

"Porque a ira do homem não opera a justiça de Deus." (Tiago 1:20)
  

Posted at 18:20 |  by Roberta Kelly Oliveira

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Todos nós desde crianças aprendemos o que é certo e o que é errado. Na verdade já temos esse senso de justiça dentro de nós, ele apenas vai se desenvolvendo.

Ainda que a pessoa aprenda o errado como certo, ao seu redor encontrará o correto, e dentro de si também, porque quando está a fazer o correto não tem medo, insegurança, ou qualquer tipo de peso.

Ao fazer o que é certo (justo) se tem primeiramente paz.

"O fruto da justiça será paz; o resultado da justiça será tranqüilidade e confiança para sempre." (Isaías 32:17)

Todos temos dentro de nós esse senso de justiça, de saber o que é bom e o que é mal. Quando você pratica o que é justo tem essa paz que a palavra de Deus descreve, tem tranquilidade e confiança, ou seja quando obedece o que é justo que é a Palavra de Deus terá o fruto que não é passageiro mas dura para sempre.

Para que eu possa ter de Deus a justiça que desejo primeiramente tenho que saber o que é justo, ou seja, o que Deus quer que eu pratique na situação que estou a viver, quando eu pratico a direção que Ele me deu, então me faço justa pela fé, então tenho autoridade para cobrar dele justiça. Posso falar com Deus com segurança e ousadia na minha fé, mas se estou a ser injusta e faço a minha vontade não posso cobrar de Deus, meus gritos serão vazios, minha oração será oca, como se estivesse a fazer algo na emoção.

O caminho mais curto para que a justiça de Deus se manifeste em sua vida é que primeiramente você seja justa.

Não justa aos seus próprios olhos, entenda, não é a sua justiça, mas o que está escrito na Palavra de Deus, a justiça de seu Reino.

"Busquem, pois, em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça, e todas essas coisas lhes serão acrescentadas". (Mateus 6:33)

Na fé!

O seu senso de justiça

Todos nós desde crianças aprendemos o que é certo e o que é errado. Na verdade já temos esse senso de justiça dentro de nós, ele apenas vai se desenvolvendo.

Ainda que a pessoa aprenda o errado como certo, ao seu redor encontrará o correto, e dentro de si também, porque quando está a fazer o correto não tem medo, insegurança, ou qualquer tipo de peso.

Ao fazer o que é certo (justo) se tem primeiramente paz.

"O fruto da justiça será paz; o resultado da justiça será tranqüilidade e confiança para sempre." (Isaías 32:17)

Todos temos dentro de nós esse senso de justiça, de saber o que é bom e o que é mal. Quando você pratica o que é justo tem essa paz que a palavra de Deus descreve, tem tranquilidade e confiança, ou seja quando obedece o que é justo que é a Palavra de Deus terá o fruto que não é passageiro mas dura para sempre.

Para que eu possa ter de Deus a justiça que desejo primeiramente tenho que saber o que é justo, ou seja, o que Deus quer que eu pratique na situação que estou a viver, quando eu pratico a direção que Ele me deu, então me faço justa pela fé, então tenho autoridade para cobrar dele justiça. Posso falar com Deus com segurança e ousadia na minha fé, mas se estou a ser injusta e faço a minha vontade não posso cobrar de Deus, meus gritos serão vazios, minha oração será oca, como se estivesse a fazer algo na emoção.

O caminho mais curto para que a justiça de Deus se manifeste em sua vida é que primeiramente você seja justa.

Não justa aos seus próprios olhos, entenda, não é a sua justiça, mas o que está escrito na Palavra de Deus, a justiça de seu Reino.

"Busquem, pois, em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça, e todas essas coisas lhes serão acrescentadas". (Mateus 6:33)

Na fé!

Posted at 10:01 |  by Roberta Kelly Oliveira

sábado, 11 de outubro de 2014

Hoje é o último dia do nosso desafio!

Foram trinta dias de muito aprendizado com Deus!

 Para apresentarmos a Ele o que é justo começamos por dentro de nós. Essa busca em agradar a Deus fez com que tivéssemos sede de estar mais próximas dEle.

Fez com que olhássemos para dentro de nós, e assim procurassemos o que mudar para que de fato pudéssemos honra-lo.

Quando você honra a Deus está sempre segura. Porque a sua segurança está dentro de você.

E cada vez que se esforça e esmurra sua carne, sua vontade para obedecer a Palavra de Deus se torna mais firme, e mais ousada em sua fé. Aprende a depender mais de Deus e as coisas que antes lhe abalavam ou tiravam sua paz, já não tem mais esse poder, porque você não depende do que está acontecendo ao seu redor para "ser" para Deus, mas aprendeu que o Reino de Deus começa dentro de você!

Quando você descobre que sua força está no que é e não no que faz tudo se simplifica amiga! E esse entendimento é fundamental para que seja aceita por Deus.

Como último desafio você irá rever os desafios anteriores e buscar algo que precisa ainda praticar ou algum desafio que não fez para que se aperfeiçoe através dele.

Você vai aprender a confiar em Deus fazendo sua parte com Ele e sendo sempre humilde e sincera.

Deus abençoe você que com toda a sua fé e disposição esteve aqui no blog buscando ser melhor para Deus!

Segunda-feira começo a falar sobre justiça aqui no blog, estamos vivendo essa fé e vamos na mesma direção que o Espírito Santo tem dado! Até lá!


Desafio Coração Íntegro e Alma Voluntária - dia 30

Hoje é o último dia do nosso desafio!

Foram trinta dias de muito aprendizado com Deus!

 Para apresentarmos a Ele o que é justo começamos por dentro de nós. Essa busca em agradar a Deus fez com que tivéssemos sede de estar mais próximas dEle.

Fez com que olhássemos para dentro de nós, e assim procurassemos o que mudar para que de fato pudéssemos honra-lo.

Quando você honra a Deus está sempre segura. Porque a sua segurança está dentro de você.

E cada vez que se esforça e esmurra sua carne, sua vontade para obedecer a Palavra de Deus se torna mais firme, e mais ousada em sua fé. Aprende a depender mais de Deus e as coisas que antes lhe abalavam ou tiravam sua paz, já não tem mais esse poder, porque você não depende do que está acontecendo ao seu redor para "ser" para Deus, mas aprendeu que o Reino de Deus começa dentro de você!

Quando você descobre que sua força está no que é e não no que faz tudo se simplifica amiga! E esse entendimento é fundamental para que seja aceita por Deus.

Como último desafio você irá rever os desafios anteriores e buscar algo que precisa ainda praticar ou algum desafio que não fez para que se aperfeiçoe através dele.

Você vai aprender a confiar em Deus fazendo sua parte com Ele e sendo sempre humilde e sincera.

Deus abençoe você que com toda a sua fé e disposição esteve aqui no blog buscando ser melhor para Deus!

Segunda-feira começo a falar sobre justiça aqui no blog, estamos vivendo essa fé e vamos na mesma direção que o Espírito Santo tem dado! Até lá!


Posted at 08:39 |  by Roberta Kelly Oliveira

sexta-feira, 10 de outubro de 2014

Estamos quase chegando ao fim do nosso desafio, você já deve ter percebido como o mal trabalha e tem sede de corromper a nossa fé para que não nos apresentemos diante de Deus com o coração íntegro e a alma voluntária.

Ser íntegro também é ser justo. E a partir de segunda-feira que vem aqui no blog abordarei o tema justiça por conta da fé que estamos vivendo.

Quando você é justa agrada a Deus, porque está buscando honrar sua Palavra então sua fé se manifesta na sua obediência. A palavra de Deus nos ensina a buscar em primeiro lugar o seu Reino e a sua justiça e as demais coisas serão acrescentadas.

Quando você pratica essa palavra tem segurança e paz. Deus tem prazer no justo, e ele mesmo diz o meu justo viverá pela sua fé!

Quando você vive pela fé está mantendo seu coração íntegro, porque não confia no que sabe, mas se baseia no que está escrito. Não escolhe guardar sentimentos ou emoções, mas escolhe guardar o que esta escrito, que é exatamente a vontade de Deus.

No Reino de Deus não há lugar para injustiça, ele é o Reino da Justiça e por isso nEle existe paz, que é o fruto da justiça.

No desafio de hoje você vai pôr em prática essa fé que te justifica. Não será justa aos seus olhos mas fará o que é justo diante de Deus. Procure algo em si e pratique ainda hoje!

Amanhã encerramos os 30 dias e começarei a abordar mais o tema justiça. Até lá!


Desafio Coração Íntegro e Alma Voluntária - dia 29

Estamos quase chegando ao fim do nosso desafio, você já deve ter percebido como o mal trabalha e tem sede de corromper a nossa fé para que não nos apresentemos diante de Deus com o coração íntegro e a alma voluntária.

Ser íntegro também é ser justo. E a partir de segunda-feira que vem aqui no blog abordarei o tema justiça por conta da fé que estamos vivendo.

Quando você é justa agrada a Deus, porque está buscando honrar sua Palavra então sua fé se manifesta na sua obediência. A palavra de Deus nos ensina a buscar em primeiro lugar o seu Reino e a sua justiça e as demais coisas serão acrescentadas.

Quando você pratica essa palavra tem segurança e paz. Deus tem prazer no justo, e ele mesmo diz o meu justo viverá pela sua fé!

Quando você vive pela fé está mantendo seu coração íntegro, porque não confia no que sabe, mas se baseia no que está escrito. Não escolhe guardar sentimentos ou emoções, mas escolhe guardar o que esta escrito, que é exatamente a vontade de Deus.

No Reino de Deus não há lugar para injustiça, ele é o Reino da Justiça e por isso nEle existe paz, que é o fruto da justiça.

No desafio de hoje você vai pôr em prática essa fé que te justifica. Não será justa aos seus olhos mas fará o que é justo diante de Deus. Procure algo em si e pratique ainda hoje!

Amanhã encerramos os 30 dias e começarei a abordar mais o tema justiça. Até lá!


Posted at 22:24 |  by Roberta Kelly Oliveira
Fazer o bem ao próximo é maravilhoso, gratificante e renovador, mas hoje o seu desafio será diferente!

Hoje você vai fazer o bem a si mesma.

Fazer o bem a si é cuidar de sua própria salvação acima de tudo. Quando você cuida da sua vida com Deus, se alimenta espiritualmente, está sempre fazendo essa manutenção espiritual, ainda que venham as lutas, dificuldades, problemas, você sabe quem é para Deus.

Quando você faz o bem a si mesma sempre escolhe a melhor parte, e essa minha amiga não lhe será tirada.

 Deus fica muito feliz em ver que você escolhe todos os dias fazer um bem a si cuidando primeiramente de sua alma. Isso como diz a própria palavra de Deus é feito com esforço, pois a porta é estreita e o caminho apertado para quem deseja verdadeiramente agradar a Deus e manter sua fé.

No desafio de hoje você vai fazer um esforço para a sua própria salvação. Você vai fazer algo que sua alma (coração) não quer em prol de fazer a vontade de Deus, e isso será para o seu próprio bem, e assim como na Biblia vemos o preço da renúncia, do sacrifício, e todos os frutos de andar em obediência, você mesma verá em sua vida também!

Para isso precisa estar disposta!

Vamos em frente!



Desafio Coração Íntegro e Alma Voluntária - dia 28

Fazer o bem ao próximo é maravilhoso, gratificante e renovador, mas hoje o seu desafio será diferente!

Hoje você vai fazer o bem a si mesma.

Fazer o bem a si é cuidar de sua própria salvação acima de tudo. Quando você cuida da sua vida com Deus, se alimenta espiritualmente, está sempre fazendo essa manutenção espiritual, ainda que venham as lutas, dificuldades, problemas, você sabe quem é para Deus.

Quando você faz o bem a si mesma sempre escolhe a melhor parte, e essa minha amiga não lhe será tirada.

 Deus fica muito feliz em ver que você escolhe todos os dias fazer um bem a si cuidando primeiramente de sua alma. Isso como diz a própria palavra de Deus é feito com esforço, pois a porta é estreita e o caminho apertado para quem deseja verdadeiramente agradar a Deus e manter sua fé.

No desafio de hoje você vai fazer um esforço para a sua própria salvação. Você vai fazer algo que sua alma (coração) não quer em prol de fazer a vontade de Deus, e isso será para o seu próprio bem, e assim como na Biblia vemos o preço da renúncia, do sacrifício, e todos os frutos de andar em obediência, você mesma verá em sua vida também!

Para isso precisa estar disposta!

Vamos em frente!



Posted at 08:40 |  by Roberta Kelly Oliveira
Blog Vivemos em Comunhão: Por Roberta Kelly
Copyright © 2013 Vivemos em Comunhão. WP Theme-junkie converted by BloggerTheme9
Tradução:Templates para Blogger
back to top